Linguagem inapropriada e acusações marcam o PL do Lobby