“Podem continuar nessa várzea!”